Um Hotel em Arad

Arad, Agosto 2004, 355-10Arad, Roménia, 2004

Os blocos de notas guardam-se na prateleira e ficam entregues ao pó até que uma memória trôpega os resgata do esquecimento. As imagens, notas visuais, são mais atrevidas e, escudando-se num longo processo de arquivamento, resistem ao oblívio com o afinco de uma recordação doce. Provas de contacto, provas de trabalho, digitalizações, ajuste de tons, retoque, redimensionamento. Há um rol de oportunidades antes da escuridão da gaveta. Hoje, enquanto uniformizava o espaço ocupado por algumas imagens, foi esta que me fez parar. Arad, Roménia, em 2004. O que se vê na imagem, vê-se (ou via-se) desde um dos quartos do Hotel Arad. Um momento esquecido, quadro urbano sem argumentos que acabará no fundo de um baú, soterrado por uma avalancha de fotografias. Uma cidade perdida.

Lisboa, Outubro de 2007

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s