Arquivos Mensais: Setembro 2013

Diários da Sicília (nota)

Arrastado pelo domínio espanhol, pela união das coroas de Castela e Aragão, em 1479, e pelos conflitos mediterrânicos, o Século de Ouro castelhano passou também pela Sicília. Miguel de Cervantes esteve na ilha durante um longo período, preparando-se para a … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (6)

Hotel Cortese, Palermo, mesmo no meio do mercado Ballarò. Seduzido pelo conforto do lugar conhecido, abandonei os impulsos exploratórios e reservei outra vez um quarto nesta modesta pensão encravada no epicentro da desordem palermitana. Lá em baixo vende-se carne e … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (5)

Palermo. O som da água da fonte Pretoria. Caem gotas de chuva pesadas, quentes. Desço a Vittorio Emanuelle, o eixo vital de Palermo, com o prazer do regresso como única companhia. A rua termina, e começa, junto ao porto, na … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (4)

Quero passar as últimas horas em Taormina sem me mexer. Sento-me na esplanada do Arco Rosso, peço um jarro de vinho da casa (Nero d’Avola de garrafão) e uma bruschetta de anchovas. Há mais três ou quatro mesas, de um … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (3)

Amanhece cedo em Taormina. O sol nasce no mar, mesmo em frente ao meu quarto, e o calor, às sete da manhã, promete já uma jornada infernal. Tento fazer para planos para os curtos períodos livres de que disponho até … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (2)

Cheguei hoje de manhã a Taormina. O céu está carregado de nuvens e o ar de humidade. No terraço do Villa Diodoro olho para o mar. E para Giardini Naxos, lá em baixo, antes Naxos, a primeira colónia grega da … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Diários da Sicília, ano II (1)

Um ano depois, volto ao meu lugar favorito de Catânia: o Chiosco della Pesceria. Que não é mais do que um quiosque de bebidas, ao lado do mercado de peixe e por debaixo da ponte ferroviária que pasa, a rasar … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário