Arquivos Mensais: Janeiro 2013

Madrid, Bairro das Letras

Julho de 2011: O La Venencia era o sítio perfeito para começar. Durante a Guerra Civil, Hemingway reunia-se ali com os republicanos, à cata de notícias da frente. Agora a velha taberna da Echegeray parece saída de uma Madrid ainda … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Fotografia e Cismas

Em 1859, Charles Baudelaire (1821-1867) insurgiu-se contra a fotografia e o seu carácter industrial, declarando-a responsável pela decadência das artes francesas. Sem negar o contributo que a fotografia podia dar aos vários campos do conhecimento humano, o autor de Les … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

O Chapéu de Ezra Pound

Bill Brandt (1904-1983), o fotógrafo que não quis ser alemão, costumava dizer que um bom retrato deve dar pistas sobre o futuro do retratado. Em 1928, quando era ainda um aprendiz do ofício num estúdio de Viena, Brandt conheceu Ezra … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Terra

Conhecia bem aquele dorso branco: o Veleta, como uma lua em quarto crescente despenhada e semienterrada, o radiotelescópio apontado aos limites da galáxia, a lagoa de Yeguas por detrás, invisível desde o mundo terreno, mas sempre ali, perpétua e serena. … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Silêncio e Solidão

Os homens não são animais gregários (das mulheres não falo). São seres solitários que por vezes se juntam em bandos, com laços fortíssimos, para cumprir as tarefas essenciais à sobrevivência (caçar, lutar, beber num bar). Só isso. Nos demais capítulos … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Desvio

Detour de Edgar J. Ulmer é a história de um homem perdido entre um princípio e um fim. Sem um fim. Entre um sonho e a sua derrocada. Sem um indício da grande quimera. Somos as escolhas que fazemos, costuma … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

A Causa

Nota de 7 de Fevereiro de 2012: The Outsider sees no cause, only effects, li há muito tempo numa revista de fotografia (Derek Bennet, European Photography). Depois de quatro anos em Granada começo a ver as causas. Começo a ver … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário